quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Você alguma vez já se cansou de ser você? Engraçado, me sinto assim o tempo todo, e talvez por isso eu mude o tempo todo. Isso me fez lembrar uma poesia de Cecília Meireles que traduz bem esse meu estado de espírito:

"Tenho fases, como a lua
Fases de andar escondida,
fases de vir para a rua...
Perdição da minha vida!
Perdição da vida minha!
Tenho fases de ser tua,
tenho outras de ser sozinha.
Fases que vão e vêm,
no secreto calendário que
um astrólogo arbitrário
inventou para meu uso.
E roda a melancolia seu interminável fuso!
Não me encontro com ninguém
(tenho fases como a lua...)
No dia de alguém ser meu
não é dia de eu ser sua...
E, quando chega esse dia,
o outro desapareceu..."
Enfim...

Um comentário:

Samuel Quintans disse...

Somos todos luas, meu anjo...
E como luas temos a nossa beleza
E temos as nossas fases
E temos a nossa luminosidade

E como a Lua somos razão de muitos devaneios
Anseios
Desejos

É muito bom ser Lua
Mas acredite:

Você está mais para Sol

Com sua altivez
Com sua inquietude
Com sua luz própria
Que irradia
Que ilumina outros planetas que vivem ao seu redor.

E você, assim como o Sol
Foi feita para brilhar!
Brilhe!