sábado, 19 de setembro de 2009

...


'O meu mundo não é como o dos outros, quero demais, exijo demais; há em mim uma sede de infinito, uma angústia constante que eu nem mesma compreendo, pois estou longe de ser uma pessoa; sou antes uma exaltada, com uma alma intensa, violenta, atormentada, uma alma que não se sente bem onde está, que tem saudade… sei lá de quê!'

Enfim...

2 comentários:

Samuel Quintans disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Samuel Quintans disse...

Ah! As angústias do dia-a-dia
O eterno querer
O eterno buscar
O crescimento pessoal só é alcançado no momento em que descobrimos que SER é mais importante do que TER
E que cultivar a calma, a paz, a tranquilidade e o amor são caminhos que nos levam a grandes descobertas.

Estou aqui. Sempre!