quinta-feira, 29 de julho de 2010

De novo.

Minha cabeça dói de forma insuportável. Junto com ela meu coração também dói. E não por culpa de alguém. Meu coração dói por mim e por tudo o que eu poderia ter sido e não fui. Meu coração dói de saudade. Saudade de um tempo em que eu não precisava me preocupar com nada, além de ser feliz. Onde os planos eram novos. Meu coração dói por cada pessoa especial que deixei pra trás. Por cada sorriso que eu guardei pra mim. Dói por ter depositado toda minha fé nas coisas e nas pessoas erradas. Meu coração dói por não ter aproveitado mais a vida. O tempo que eu perdi não volta mais. Certas lembranças estão tão distantes que parece que foi em outra vida. Eu tento encontrar em mim aquele velho sentimento, mas sei lá... sumiu. E agora que ele se foi, não sei por onde começar. De novo.
Enfim...

4 comentários:

Sandy disse...

Que tudo fique bem Melin.

Samuel Quintans disse...

Eu aprendi que CRISE é algo muito bom.
São nas crises que as nações, as pessoas, as empresas crescem.
Crise é sinônimo de mexa-se!
Crise é sinônimo de oportunidade
Oportunidade vem de Opportunity, que vem de porto.

E por isso, minha querida, acredite. Chegou a sua hora.

Conte sempre conosco.
Por que embora não acredite tanto.
Somos todos um só.

E muito do que acha que perdeu, na verdade você conquistou. Cresceu.

Beijos.

Samuka

Dila disse...

venho aqui todos os dias para ler o seu blog! Também faço moda e acho o máximo tudo o que você escreve... por mais que algumas coisas - creio eu que - você não queria estar escrevendo, todas servem para o nosso crescimento! beijos beijos

Queiroz Clarc disse...

Você tem um estilo interessante. Continue escrevendo, sendo sincera. Fale de amor, fale de tristeza, seja humana. Seus textos são ótimos, possuem uma fluência única.
Parabéns!