terça-feira, 9 de outubro de 2012

Lápis de cor.

Tenho preguiça do velho discurso 'ah, eu quero, mas dá trabalho' ou 'ah, não quero me desgastar, deixa pra lá'. Gente que adia decisões. Que deixa de terminar algo. Ou começar.

Gente que arruma desculpa pra tudo. Que coloca a culpa sempre nos outros. Gente que não tem humor. Que não dança. Que não escuta músicas engraçadinhas.

Gente que vive pros outros. Fazendo o que não gosta. Contido. Podado.

Estou completamente in love pela minha liberdade. Acordo todo dia apaixonada por essa sensação boa de poder gostar do que eu quiser. E desgostar. Ir  por aqui ou por ali. Com esse ou com aquele alguém.

Eu tenho duzentas cores. Mais de duzentas! E minha vida, que é cheia de coelhos, chuva de jujubas e cristais Swarovski, eu quero dividir com quem goste de colorir também.

E quem não gostar da minha caixa de lápis de cor, que se contente com sua vida pintada em 6B. Porque eu quero é mais usar toda a minha paleta de cores pra ser feliz!


Enfim...

4 comentários:

Francisco. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Helen Quintans disse...

=)

Tassyane Nunes disse...

Tenho preguiça de gente que não vive. Tenho mesmo.

Adorei! Um beijo, linda.

Anônimo disse...

[url=http://cialisonlinehere.com/#fqysp]cialis online[/url] - cheap cialis online , http://cialisonlinehere.com/#rskaf generic cialis