quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Outlet.

É fácil amar quando se é divertido. Quando concorda com tudo. Quando não erra, Quando o "NÃO" não faz parte do vocabulário. Quando se é bonito. Se veste bem. Quando se é talentoso. Bom de cama. Bom de papo.

Mas e quando temos defeitos? Se somos feios. Mancamos de uma perna. Temos inteligência abaixo do média. Quando não temos grana. Quando se é deprimido... Quem ama? Quem segura a barra de amar alguém imperfeito, incompleto?

Na corrida pelo sucesso, todo mundo procura praticidade. E sim, é bem mais prático amar quem tem menos problemas.

Na linha de produção em que fui feita, houve algum problema, algumas peças vieram faltando e, consequentemente, não funciono direito.

Não sei lidar com rompimentos e discussões. Meu estômago é bixado, meu coração é remendado,sou hiperativa e tenho medos idiotas.
Quem vai querer lidar com isso? Será que terei chance em algum Outlet da vida?


Enfim...

3 comentários:

Robson Reis disse...

Quando o produto tem defeito, ele tem desconto, o importante é que quem compre saiba esconder os defeitos só pra ele! e para todos o produto vai ser um grande achado!

Não importa se é de 1,99 o importante é usar sabendo os limites que o material suporta, o que se pode ou não fazer, assim, você mantém indefinidamente! Por que na verdade qdo se adquire algo o que importa não é o valor que se paga, nem as condições que possa estar e sim saber que se tem, que é seu, que está sob seu cuidado!

Sempre vai ter um comprador que não se importa com a perfeição estética e sim com a serventia do produto adquirido! Que se importa em fazer uso e não em ficar ostentando!

Preferível ser uma xícara lascada que serve um chá, que uma linda louça chinesa que nunca sai da prateleira!

Helen Quintans disse...

q lindo seu comentário, Robisco! Obrigada!

Tassyane Nunes disse...

Todos temos defeitos e quem nos ama os receberão de braços abertos. Pois é amar é isso: compreender.

Quem nos ama enxergará nos nossos erros, medos, defeitos, imperfeições, sempre um motivo mais.

Quem ama aceita e entende. Ajuda, acima de tudo.

Um beijão!